Pular para o conteúdo principal

Autismo - um mundo a parte.

 
                                             

                      
Olá meninas(os) hoje venho falar de algo que muitos desconhecem,o mundo de uma pessoa autista e nada melhor do que procurar saber de uma pessoa super conceituada,o dr. Drauzio Varella, bora lá.
Autismo é um transtorno global do desenvolvimento marcado por três características fundamentais:
* Inabilidade para interagir socialmente;
* Dificuldade no domínio da linguagem para comunicar-se ou lidar com jogos simbólicos;
* Padrão de comportamento restritivo e repetitivo.
O grau de comprometimento é de intensidade variável: vai desde quadros mais leves, como a síndrome de Asperger (na qual não há comprometimento da fala e da inteligência), até formas graves em que o paciente se mostra incapaz de manter qualquer tipo de contato interpessoal e é portador de comportamento agressivo e retardo mental.
Os estudos iniciais consideravam o transtorno resultado de dinâmica familiar problemática e de condições de ordem psicológica alteradas, hipótese que se mostrou improcedente. A tendência atual é admitir a existência de múltiplas causas para o autismo, entre eles, fatores genéticos e biológicos.
                                               Sintomas
O autismo acomete pessoas de todas as classes sociais e etnias, mais os meninos do que as meninas. Os sintomas podem aparecer nos primeiros meses de vida, mas dificilmente são identificados precocemente. O mais comum é os sinais ficarem evidentes antes de a criança completar três anos.
 De acordo com o quadro clínico, eles podem ser divididos em 3 grupos:
1) ausência completa de qualquer contato interpessoal, incapacidade de aprender a falar, incidência de movimentos estereotipados e repetitivos, deficiência mental;
2) o portador é voltado para si mesmo, não estabelece contato visual com as pessoas nem com o ambiente; consegue falar, mas não usa a fala como ferramenta de comunicação (chega a repetir frases inteiras fora do contexto) e tem comprometimento da compreensão;
3) domínio da linguagem, inteligência normal ou até superior, menor dificuldade de interação social que permite aos portadores levar vida próxima do normal.
Na adolescência e vida adulta, as manifestações do autismo dependem de como as pessoas conseguiram aprender as regras sociais e desenvolver comportamentos que favoreceram sua adaptação e auto-suficiência.


                               



                                                 Diagnóstico
O diagnóstico é essencialmente clínico. Leva em conta o comprometimento e o histórico do paciente e norteia-se pelos critérios estabelecidos por DSM–IV (Manual de Diagnóstico e Estatística da Sociedade Norte-Americana de Psiquiatria) e pelo CID-10 (Classificação Internacional de Doenças da OMS).
                                                Tratamento
Até o momento, autismo é um distúrbio crônico, mas que conta com esquemas de tratamento que devem ser introduzidos tão logo seja feito o diagnóstico e aplicados por equipe multidisciplinar.
Não existe tratamento padrão que possa ser utilizado. Cada paciente exige acompanhamento individual, de acordo com suas necessidades e deficiências. Alguns podem beneficiar-se com o uso de medicamentos, especialmente quando existem co-morbidades associadas.
                                               Recomendações
* Ter em casa uma pessoa com formas graves de autismo pode representar um fator de desequilíbrio para toda a família. Por isso, todos os envolvidos precisam de atendimento e orientação especializados;
* É fundamental descobrir um meio ou técnica, não importam quais, que possibilitem estabelecer algum tipo de comunicação com o autista;
* Autistas têm dificuldade de lidar com mudanças, por menores que sejam; por isso é importante manter o seu mundo organizado e dentro da rotina;
* Apesar de a tendência atual ser a inclusão de alunos com deficiência em escolas regulares, as limitações que o distúrbio provoca devem ser respeitadas. Há casos em que o melhor é procurar uma instituição que ofereça atendimento mais individualizado;
* Autistas de bom rendimento podem apresentar desempenho em determinadas áreas do conhecimento com características de genialidade.
Créditos= Dr.Drauzio Varella

Comentários

  1. Olá, tudo bem?
    Passei aqui para conhecer seu blog e convidar para participar do sorteio de uma blusa e um kit surpresa no meu blog.
    Já estou aproveitando para seguir seu blog (eu adorei, muito lindo!!!)
    Este é o link do sorteio: http://amorporamigurumis.blogspot.com.br/2013/01/sorteio.html
    Até mais!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Que bom que você chegou até aqui.
Fiquei super feliz com sua visita...vou amar ler seu comentário.

** Deixe o link do seu blog para que eu possa retribuir sua visita.

Postagens mais visitadas deste blog

"Bolsa porta moeda em crochê"

Olá meninas(os)tudo tranquilo? Hoje venho mostrar essa fofura que estou louca para fazer e se você também se encantou corre e faz também ,o tutorial você encontra aqui ,beijinhos e atê a próxima.

Boneca de pano para uma princesa

Eu ando sumidinha mas só nas postagens,todos os dias sempre dou uma passada nas amigas aqui tão talentosas,hoje venho postar uma arteirice bem principiante,minha sobrinha de oito anos me pediu uma boneca de pano,isso foi no domingo passado e eu como tia coruja que sou fui no mesmo instante procurar na net moldes de boneca de pano e apareceram tantas ... Eis aqui a minha arteirice...rs...espero que gostem, ela(minha sobrinha amou)...ufa que bom....


Eis aqui os moldes da boneca de pano...só não lembro o local que retirei estes moldes,caso você saiba pode postar a origem que eu darei os créditos para a mesma...

Colcha de retalhos de cetim já terminada,aff

Enfim meninas terminei minha colcha de retalhos que estava quase dando cria,rs.... Segue as fotos,espero que gostem...